Seja bem-vindo!
Meu Cadastro Meus Pedidos Minha Compra 0 itens
Home Conselhos Editoriais Notícias Lançamentos Fale Conosco
 
As Dimensões da Formação Humana
As Faces da Lingüística Aplicada
Caminhos da Construção
Cenas do Cotidiano Escolar
Coleção Análise do Discurso e Ensino
Coleção Desconstruindo a Violência
Coleção Educação Estatística
Coleção Estudos Críticos em Linguagens
Coleção Fazer A_Parecer
Coleção Insubordinação Criativa
Coleção Psicologia em Perspectiva
Coleção TerramaR
Coleção Uma Casa de Educação Literária: 150 Anos do Atheneu Sergipense
Desenvolvimento Humano e Práticas Culturais
Discurso e Ensino
Educação
Educação e Psicologia em Debate
Educação Em Ciências
Ensaios em Interculturalidade
Estudos da Linguagem
Gêneros e Formação
História, Ciências Sociais e Economia
Histórias de Leitura
Idéias Sobre Linguagem
Leitura e Bibliotecas Escolares
Leituras no Brasil
Letramento, Educação e Sociedade
Letras em Série
Linguagem, Ensino e Formação
Lingüística
Lingüística e Psicanálise
Literatura
Memória e História da Educação
Mercado de Letras Fundamental
Mercado de Letras Saúde
Mercado de Letras Temas
Perspectivas e Desafios na Formação de Professores da Educação Básica
Série Aurora
Série Bakhtin - Inclassificável
Série Caminhos da Neurolinguística Discursiva
Série Drogas, Política e Cultura
Série Educação Geral, Superior e Formação Continuada do Educador
Série Educação Matemática
Serie Escola e Universidade
Série Espaços da Linguística de Corpus
Série Estudos do Léxico
Série Estudos em Políticas Públicas e Educação
Série Literatura, Leitura e Educação Infantil
Teoria Literária
Toda Crianca Pode Aprender
 
Detalhes da Obra Mercado de Letras •
Com a Palavra, os Alunos

- Associativismo Discente no Grêmio Literário Clodomir Silva

• Simone Paixão Rodrigues

O Grêmio Literário Clodomir Silva, fundado em 1934 por alunos do Ensino Secundário do Atheneu Sergipense, ergueu-se como um associativismo voluntário genuinamente estudantil, configurou-se como um elemento significativo da cultura escolar daquela instituição de ensino e sua representação materializou-se nos escritos e comportamentos dos alunos/sócios. A cada jornal produzido, discurso proferido e evento realizado, seus sócios desenvolviam o espírito de colaboração e de responsabilidade, contribuído significativamente com a formação intelectual e política da juventude sergipana. Ao investigá-lo, descobri um cotidiano discente que contracenava com a escola e a sociedade, e que criou uma associação estudantil, a qual compôs um conjunto de práticas culturais presentes na paisagem urbana da capital sergipana nas décadas finais da primeira metade do século XX. Os alunos, protagonistas desse cotidiano urbano e cultural, por meio das atividades agremiativas, estabeleceram relações, instituíram seus espaços de sociabilidade e exercitaram a autonomia.

SOBRE A AUTORA:

Simone Paixão Rodrigues - Doutora e Mestre em Educação pela Universidade Federal de Sergipe (UFS), realizou estágio do Doutorado Sanduíche na Universidade do Porto/Portugal com Bolsa Capes. Graduada em Pedagogia e História. Atualmente é professora da Educação Básica e do Ensino superior, membro do Grupo de Pesquisa: Disciplinas Escolares: História, Ensino e Aprendizagem, Dehea (UFS/CNPq) e desenvolve pesquisa campo da História da Educação.

 
 
Por: R$ 0,00
ISBN: 978-65-86089-15-8
Páginas: 232
Formato: 14 x 21
Altura: 21 cm
Largura: 14 cm
Profundidade: 1 cm
Acabamento: Brochura
Edição:
Idioma: Português
Ano: 2020
 
 
Formas de Pagamento