Seja bem-vindo!
Meu Cadastro Meus Pedidos Minha Compra 0 itens
Home Conselhos Editoriais Notícias Lançamentos Fale Conosco
 
As Dimensões da Formação Humana
As Faces da Lingüística Aplicada
Caminhos da Construção
Cenas do Cotidiano Escolar
Coleção Análise do Discurso e Ensino
Coleção Desconstruindo a Violência
Coleção Educação Estatística
Coleção Estudos Críticos em Linguagens
Coleção Fazer A_Parecer
Coleção Insubordinação Criativa
Coleção Pós-Crítica
Coleção Psicologia em Perspectiva
Coleção TerramaR
Coleção Uma Casa de Educação Literária: 150 Anos do Atheneu Sergipense
Crônicas e Literatura
Desenvolvimento Humano e Práticas Culturais
Discurso e Ensino
Educação
Educação e Psicologia em Debate
Educação Em Ciências
Ensaios em Interculturalidade
Estudos da Linguagem
Gêneros e Formação
História, Arte, Ciências Sociais e Economia
Histórias de Leitura
Idéias Sobre Linguagem
Leitura e Bibliotecas Escolares
Leituras no Brasil
Letramento, Educação e Sociedade
Letras em Série
Linguagem, Ensino e Formação
Lingüística
Lingüística e Psicanálise
Literatura
Memória e História da Educação
Mercado de Letras Fundamental
Mercado de Letras Saúde
Mercado de Letras Temas
O que pode esta língua?
Perspectivas e Desafios na Formação de Professores da Educação Básica
Série Aurora
Série Bakhtin - Inclassificável
Série Caminhos da Neurolinguística Discursiva
Série Drogas, Política e Cultura
Série Educação Geral, Superior e Formação Continuada do Educador
Série Educação Matemática
Serie Escola e Universidade
Série Espaços da Linguística de Corpus
Série Estudos do Léxico
Série Estudos em Políticas Públicas e Educação
Série Literatura, Leitura e Educação Infantil
Teoria Literária
Toda Crianca Pode Aprender
 
Detalhes da Obra Mercado de Letras •
Gêneros, Entre o Texto e o Discurso - Questões Conceituais e Metodológicas

(Organização: Adail Sobral e Sweder Souza)

• Adail Sobral
• Sweder Souza

DE R$ 74,00 POR R$ 51,80.

Esta obra é um amplo painel de propostas teóricas, práticas e teórico-práticas de estudo dos gêneros, incidindo igualmente sobre questões metodológicas do trabalho com gêneros. Compõe-se de capítulos escritos por diversos autores, incluindo alguns a que devemos textos que são referência constante em muitos trabalhos com gêneros. O volume tem como um de seus grandes méritos demonstrar na prática que se pode ter bons resultados partindo de distintas perspectivas acerca de um mesmo objeto, desde que se tenha um ponto de convergência, que, no caso em questão, é o reconhecimento do fato de os gêneros serem hoje parte vital, tanto em termos oficiais (PCNs) como em termos de necessidade concreta, não apenas do ensino de línguas (materna e adicionais) como da própria capacidade de lidar com a complexidade do mundo letrado sem tentar reinventar a cada momento modos de dizer pragmaticamente eficazes.

O livro é marcado por uma preocupação didática, com a apresentação das propostas e discussões de um modo que privilegie a compreensão da parte dos professores dos níveis Elementar e Médio, a quem cabe o trabalho com gêneros. Assim, não é um livro para eruditos, dedicado a longas discussões teóricas ou a debates entre tendências, mas um volume que deseja aproximar-se de seus públicos, os professores citados, mas também alunos de graduação e  mesmo de pós-graduação, a quem interessa a questão do gênero. O livro, portanto, busca dialogar não apenas interiormente, entre seus diferentes capítulos, mas também, exteriormente, com distintos públicos, a cujas necessidades, teóricas e práticas, busca atender.

O volume se divide, por motivos de organização arquitetônica, em três partes, integradas, a primeira dedicada mais especificamente a questões conceituais e metodológicas (em alguns casos com análises ilustrativas), a segunda às relações entre gênero e prática social e a terceira a uma exploração mais geral da questão do gênero, com entrevistas do ponto de vista do ISD suíço e da sócio-retórica norte-americana. Dizemos “especificamente” para destacar o foco de cada sessão, sem com isso sugerir que a conceituação, metodologia de trabalho e de análise, as análises e a exploração dos vínculos gêneros-práticas estejam apartadas. Pelo contrário, pode-se dizer que a marca distintiva do livro é precisamente a interação e a integração dos capítulos de cada parte e das partes entre si, trazendo de certo modo o estado da arte sobre o tópico.

SOBRE OS ORGANIZADORES:

Adail Sobral - Professor Adjunto do PPG Linguística Aplicada da UCPEL-RS e da graduação em Letras na mesma instituição. É doutor em Linguística Aplicada pela PUC-SP (2006), mestre em Letras pela USP (1999), especialista em Linguística pela Unicamp (1983) e graduado em Letras Inglês pela UFBA (1977). É tradutor de textos em inglês, francês, italiano, português e tem experiência na área de Linguística Aplicada, atuando principalmente nos seguintes temas: Gênero, Discurso, Dialogismo, Círculo de Bakhtin, Semiótica Geral e Greimasiana, Tradução e Interpretação. É autor da obra Do dialogismo ao gênero (Mercado de Letras) e organizou Conversas com tradutores (Parábola) além de consultor ad hoc da CAPES e parecerista ad hoc de seleção e avaliação de periódicos da coleção Scielo Brasil. Membro do GT Estudos Bakhtinianos da ANPOLL Membro do Conselho Consultivo do Centro de Educação e Comunicação - UCPEL Secretário do Comitê de Ética em Pesquisa - CEP/UCPel. Também é membro pesquisador do Grupo de Estudos Semióticos da USP (GES-USP) Membro pesquisador do Grupo Tessitura: Vozes em (Dis)curso, da PUC-RS. Líder do Grupo LEAL - Laboratório de Estudos Avançados de Linguagens (UCPEL-RS).

Sweder Souza - Discente do Curso de Letras - Português e Inglês na Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), bolsista de Iniciação Cientifica (PIBIC) do CNPq pela segunda vez consecutiva, pesquisador Voluntário, no Programa de Voluntariado de Iniciação Científica e Tecnológica (PVICT) da UTFPR e já foi bolsista de IC pela Fundação Araucária (PR). É Membro da Associação de Linguística Aplicada do Brasil (ALAB) e do Grupo de Estudos Linguísticos do Estado de São Paulo (GEL). Atualmente participa dos Grupos de Pesquisa em: Estudos dos Sons da Fala; Estudos da Linguagem; Ciências Humanas, Tecnologia e Sociedade; Discursos sobre Trabalho, Tecnologia e Identidades e do grupo de Estudos de Ensino de Língua Inglesa como Língua Adicional para Cegos. Participa também do Programa English for Blinds (UTFPR) atuando como professor de Inglês para Cegos.

SOBRE OS AUTORES:

Adair Bonini - Professor Adjunto da UFSC, Doutorado em Linguística pela UFSC (1995); Mestrado em Linguística pela UFSC (1999); Graduação em Letras pela Universidade Estadual de Maringá - UEM (1992). Publicou inúmeros livros, dentre os quais se destacam “Genre in a changing world”, em parceria com Charles Bazerman e Débora Figueiredo, e “Gêneros: teorias, métodos, debates”, em parceria com José Luiz Meurer e Désirée Motta-Roth. Publicou também números especiais em conceituados periódicos, dentre eles, “Gênero textual/discursivo e mídia” na revista Signos da PUC-Valparaíso, Chile, organizado juntamente com Marcos Baltar. Realiza pesquisas no campo da Linguística Aplicada, ocupando-se principalmente dos seguintes temas: gênero textual, discurso, texto e ensino e aprendizagem de Língua Portuguesa.

Alena Ciulla - Professora Visitante do Departamento de Linguística da UFRGS; Doutorado em Linguística pela Universidade Federal do Ceará - UFSC (2008); Mestrado em Linguística pela UFC (2002) e graduação em Letras Francês pela UFRGS (1990). É pós-doutoranda DOCFIX-CAPES/FAPERGS, no PPG do Instituto de Letras da UFRGS sob supervisão de Maria José Bocorny Finatto. Dentro desse projeto, é priorizado o tratamento computacional e linguístico de dois corpora: um na área de Medicina e o outro em Linguística, que é o Curso de Linguística Geral, sobre o qual também são investigadas questões teóricas e de tradução, sob um ponto de vista enunciativo.

Ana Valéria Bisetto Bork - É professora titular da Universidade Tecnológica Federal do Paraná; Doutoranda em Estudos da Linguagem pela Universidade Estadual de Londrina (UEL) e faz parte do grupo de pesquisa Linguagem e Educação da UEL, sob a coordenação da Profa. Dra. Vera Lúcia Cristovão. Possui Mestrado em Letras pela Universidade Federal do Paraná (2005); especialização em Língua Inglesa pela Universidade Estadual de Ponta Grossa (1993) e Licenciatura em Letras Português/Inglês pela Universidade Estadual de Ponta Grossa (1988). Participa como co-pesquisadora no projeto ILEES (Iniciativas de Ensino de Leitura e Escrita no Ensino Superior na América Latina), coordenado pelo Prof. Dr. Charles Bazerman, EUA, da Universidade de Califórnia, em Santa Barbara.

Audria Leal - Professora do Centro de Linguística da Universidade Nova de Lisboa; Doutoramento em Linguística - Teoria do Texto. Universidade Nova de Lisboa. Lisboa, Portugal, 2011; Mestrado em Letras. Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Recife, Brasil. 2002; Graduação: Licenciatura em Letras. Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Campina Grande, Brasil. 2000. Principais áreas de investigação: Teoria do texto, análise do discurso, semântica, linguística aplicada, semiótica social.

Beth Brait - Crítica, ensaísta, professora associada da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e professora associada aposentada da Universidade de São Paulo. Fez Graduação em Letras, doutorado em Linguística, Livre-Docência em Linguística na USP; pós-doutorado na École des Hautes Études en Sciences Sociales - Paris/França. É pesquisadora nível 1 do CNPq; Assessora da CAPES, do CNPq e da FAPESP; líder do GP/CNPq/PUC-SP Linguagem, Identidade e Memória; criadora e editora do periódico Bakhtiniana. Revista de Estudos do Discurso (QUALIS A1/SCIELO/Apoio CNPq). Dentre as atividades acadêmico-administrativas relevantes destacam-se: Chefe de Departamento de Linguística/DL/FFLCH/USP (1994-1997); Coordenadora do PEPG em LAEL-PUC-SP (2001-2009); Presidente da ANPOLL (2004-2006); Membro do Comitê Assessor do CNPq/Área de Letras e Linguística (2010-2013); Coordenadora do GT/ANPOLL Estudos Bakhtinianos (2010-2014); representante da FAFICLA/PUC-SP no CEPE (2009-2011; 2013-2014). Foi crítica militante de literatura no Jornal da Tarde e outros periódicos paulistas durante as décadas de 70 e 80. Atua nas áreas de Teoria e análise do texto e do discurso, Estudos Bakhtinianos, Análise dialógica do discurso, leitura e análise da verbo-visualidade e estudos literários.

Charles Bazerman - Atualmente é Professor do Departament of Education da University of California, Santa Barbara, EUA.  É, atualmente um dos maiores especialistas do mundo sobre a escrita e tem contribuído significativamente para o estabelecimento da escrita como um campo de pesquisa. Mais conhecido por seu trabalho em estudos de gênero e da retórica da ciência é o autor de mais de 18 livros e mais de 20 coleções editadas incluindo: Traditions of Writing Research, Genre in a Changing World, Textual Dynamics of the Profession, Writing Selves/Writing Societies, What Writing Does and How it Does It, and the Handbook of Research on Writing.

Dulce Cassol Tagliani - Atualmente é professora da Universidade Federal do Rio Grande - FURG (RS), atuando no curso de graduação em Letras, do qual foi coordenadora entre 2011 e 2012, e no curso de Especialização em Linguística e Ensino de Língua Portuguesa. Doutorado em Letras - Linguística Aplicada pela Universidade Católica de Pelotas (2009); Mestrado em Letras - Linguística Aplicada pela UCPEL (2001); Graduação em Letras pela Universidade Federal do Rio Grande-FURG (RS). Áreas de investigação: ensino de língua portuguesa - práticas de leitura, produção de textos e análise linguística, livro didático, avaliação, gêneros discursivos, teoria da atividade.

Eliana Dias - É professora do Instituto de Letras e Linguística da Universidade Federal de Uberlândia com Doutorado em Linguística e Língua Portuguesa pela UNESP (2004); Mestrado em Estudos Linguísticos pela UFMG (1992); Graduação em Letras pela UFU (1985). Participa dos grupos de pesquisa: GEPL (Grupo de Pesquisa de Práticas da Linguagem), PETEDI (Grupo de Pesquisa e Estudo do texto e do Discurso) ELPBP (Grupo de pesquisa sobre o Ensino de Língua Portuguesa no Brasil e em Portugal).

Eloara Tomazoni - É Graduada em Letras - Língua Portuguesa e Literaturas na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e Mestre em Linguística pelo Programa de Pós-Graduação em Linguística da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Atualmente, é doutoranda pelo mesmo programa e membro do Núcleo de Estudos em Linguística Aplicada - NELA, vinculado à mesma instituição. Tem experiência na área de Letras, com ênfase em Língua Portuguesa, tendo trabalhado como professora de Língua Portuguesa e Literaturas no Ensino Fundamental.

Francieli Matzenbacher Pinton - Professora Adjunto A no Departamento de Letras Vernáculas do Centro de Artes e Letras e do Programa de Pós-graduação em Letras da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM); Doutorado em Letras pela UFSM (2012); Mestrado em Letras pela UFSM (2003); Graduação em Letras pela Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões - URI (1999); Membro do Grupo de pesquisa Linguagem como prática social. Membro da Associação Latino-Americana de Linguística Sistêmico-Funcional (ALSFAL); Membro da Comissão Permanente de Vestibular - COPERVES. Tem experiência em análise crítica de gêneros, formação de professores de língua portuguesa, ensino de leitura e escrita nas diferentes áreas disciplinares.

Hélio Márcio Pajeú - É professor do Departamento de Ciência da Informação da Universidade Federal de Pernambuco-UFPE, na área de Epistemologia e Pesquisa em Ciência da Informação. Doutorando do Programa de Pós-Graduação em Linguística da Universidade Federal de São Carlos-UFSCAR (2014); Mestre em Linguística pela UFSCAR (2011); Graduação em Biblioteconomia e Ciência da Informação pela UFSCAR (2008). É membro do Grupo de Estudos dos Gêneros do Discurso (GEGe) e Laboratório de Análise do Discurso da Imagem (LANADISI). Desenvolve pesquisas na área de Teoria e Análise Linguística e da Informação, com ênfase nos Estudos Bakhtinianos, Epistemologia da Ciência da Informação e Estudos Culturais.

Jean-Paul Bronckart - Nascido em 1946, John Paul Bronckart completou a sua formação inicial em psicologia experimental e psicologia da linguagem, sob a direção de Marc Richelle na Universidade de Liege. Após isso, continuou sua carreira acadêmica na Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Genebra. Foi de 1969 a 1975, assistente de Jean Piaget, no Centro Internacional de Epistemologia Genética e colaborador Hermine Sinclair, do Departamento de psicolinguística. Em 1974 defendeu uma tese intitulada “Os modos de expressão do aspecto em linguagem infantil”. Nomeado professor de ensino de línguas, em 1976, ele desenvolveu vários programas de investigação, incluindo a epistemologia das humanidades / sociais, análise do discurso, processos de aquisição de linguagem e ensino de línguas.

Karina Giacomelli - Possui graduação em Letras pela Universidade Estadual de Maringá (1990), mestrado em Letras pela Universidade Federal de Santa Maria (2002) e doutorado em Letras pela Universidade Federal de Santa Maria (2007). Atualmente é professora da Universidade Federal de Pelotas e atua nas áreas do discurso e enunciação.

Karina Rosse Lopes - Atualmente é instrutora - InFlux English School; Graduanda em Letras Português-Inglês pela UTFPR e Graduada em Tecnologia em Comunicação Institucional pela UTFPR (2010).

Kátia Cristina S. Ferreira - É professora Especialista e Pós-graduanda do Mestrado Profissional em Letras da Universidade Federal de Uberlândia.

Kátia Bruginski Mulik - Mestre em Estudos Linguísticos pela Universidade Federal do Paraná-UFPR (2014); Especialista em Ensino de Línguas Estrangeiras Modernas pela UTFPR (2010) e Graduada em Letras Inglês pela PUC-PR (2008). Atua como professora de língua inglesa na educação básica. Áreas de interesse: crenças no ensino, formação de professores, letramento crítico, literatura, avaliação, ensino-aprendizado de língua estrangeira, textos multimodais e comunicação.

Lucelene Lopes - Pós-Doutoranda da PUC-RS pelo PROGRAMA DOC-FIX, FAPERGS / CAPES desde 2012; Doutora em Ciências da Computação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - PUCRS (2012); Possui Mestrado em Tecnologia em Saúde pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná - PUCPR (2007), Especialista em Educação Matemática (2000), Graduada em Ciências com Habilitação Plena em Matemática (2000), com experiência na área de Inteligência Computacional, atuando principalmente nos seguintes temas: Algoritmos de Mineração de Dados, Aprendizagem de Máquina, Processamento de Linguagem Natural (PLN) e Ontologias.

Marcos Baltar - É Professor da Universidade Federal de Santa Catarina; pós-doutor pela Universidade de Genebra-Suíça (2006); Doutor em Letras pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2003); Mestre em Linguística pela Universidade Federal de Santa Catarina (1995); Graduado em Letras Português-Francês pela Universidade Federal de Pelotas (1992). Atua principalmente nas áreas de educação, linguística aplicada e mídia: teorias do agir humano, teorias de gêneros textuais/discursivos, letramentos e formação de professores. Coordena o Programa de Iniciação à Docência - PIBID - da UFSC, na área de Língua Portuguesa e atualmente, investiga a potencialidade de Rádios Escolares para o desenvolvimento da competência discursiva de comunidades escolares, dando ênfase à formação inicial e continuada de professores de Língua Portuguesa, aos estudos dos gêneros textuais (orais e escritos) que circulam nas mais variadas esferas da atividade humana, notadamente as esferas escolar, acadêmica e midiática.

Maria Jose Bocorny Finatto - Docente do Programa de Pós-Graduação em Letras da UFRGS; Pós-doutorado junto o Núcleo Interinstitucional de Linguística Computacional (NILC) do ICMC-USP (2011); Doutora em Letras pela UFRGS (2001); Mestrado em Letras pela UFRGS (1993); Fundadora do grupo de Pesquisa em Lingüística de Corpus para região Sul (GELCORP-SUL, 2010). Bolsista Produtividade-Pesquisa (PQ) do CNPq desde 2007. Áreas de Investigação: Lingüística Aplicada, com ênfase em estudos sobre padrões do léxico em textos escritos, Linguística de Corpus, Terminologia, Linguística das Linguagens Especializadas baseada em Corpus, Processamento da Linguagem Natural, Lexicologia e Estatística Lexical, Lexicografia, Estudos do Texto, Tradução e Enunciação Científica, padrões do português popular escrito (Projeto PorPopular - www.ufrgs.br/textecc) e Educação a Distância.

Mary Elisabeth Cerruti-Rizzatti - Professora da UFSC na área de Linguística Aplicada; pós-doutorado em Filosofia da Linguagem na Università degli Studi Aldo Moro, em Bari - Itália; Doutorado em Letras pela UFRGS (2004); Mestrado em Letras pela PUC-RS (2001). Foi Vice-coordenadora do Programa de Pós-graduação em Linguística da UFSC - 2009 a 2010; coordenou o Programa Pró-letramento Linguagem na Universidade Federal de Santa Catarina - 2010 a 2012; foi Coordenadora do Programa Institucional de Iniciação à Docência, na área de Língua Portuguesa, na UFSC - 2010 a 2013; fundou e hoje coordena o Núcleo de Estudos em Linguística Aplicada - NELA/UFSC, coordenando, no âmbito deste Núcleo, o grupo de estudos ‘Cultura escrita e escolarização’. Tem interesse por estudos sobre ensino e aprendizagem de língua materna, estudos acerca de relações entre cultura escrita, subjetividade/alteridade e processos de escolarização, bem como acerca de relações entre práticas sociais de uso da língua e inserção versus mobilidade social; interessa-se, ainda, por temas relacionados a formação de professores de Língua Portuguesa, alfabetismo e usos sociais da escrita.

Miriam Sester Retorta - Atualmente é professora do Curso de Licenciatura Letras Português-Inglês na Universidade Tecnológica Federal do Paraná e Diretora de Relações Interinstitucionais da UTFPR. Possui doutorado em Linguística Aplicada pela Universidade Estadual de Campinas (2007); Mestrado em Letras pela Universidade Federal do Paraná (1996) Bacharel em Letras pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1989), Licenciatura em Letras pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1994). Tem experiência na área ensino e avaliação em Línguas Estrangeiras Modernas e inclusão digital e social.

Roxane Rojo - Atualmente, é professora associada livre docente (MS5-1) do Departamento de Linguística Aplicada da Universidade Estadual de Campinas e pesquisadora 1C do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Fez estágio de Pós-Doutorado em Didática de Língua Materna na Faculté de Psychologie et Sciences de l’Education (FAPSE), da Université de Genève (UNIGE), Suíça, sob a direção do Prof. Dr. Jean-Paul Bronckart (1996). Tem Doutorado em Linguística Aplicada ao Ensino de Línguas pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1989); Mestrado em Linguística Aplicada ao Ensino de Línguas pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1981) e graduação em Letras Neolatinas Português-Francês/Língua e Literatura pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (1974).

Valdemir Miotello - Atualmente é professor Associado da Universidade Federal de São Carlos - UFSCAR; Doutorado em Linguística pela Universidade Estadual de Campinas (2001); Mestrado em Linguística pela Universidade Estadual de Campinas (1996); graduação em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul - PUC-RS [Seminário Maior de Viamão] (1974)  Tem experiência na área de Linguística, com ênfase em Estudos Bakhtinianos e Teoria e Análise de Linguagem, atuando principalmente nos seguintes temas: Estudos bakhtinianos; linguagem e sociedade; filosofia da linguagem; linguagem e ideologia. É líder do Grupo de Estudos dos Gêneros do Discurso - GEGe/UFSCar.

Vanessa Arlésia de Souza Ferretti Soares - Atualmente cursa Doutorado em Linguística Aplicada, na Universidade Federal de Santa Catarina/UFSC sob orientação do professor Adair Bonini. É mestre em Linguística pela UFSC (2013) e graduada em Letras pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro/UERJ (2010). Tem experiência na área de Linguística Aplicada, ocupando-se principalmente dos seguintes temas: gênero discursivo, discurso midiático, ensino e aprendizagem de Língua Portuguesa.

Vera Lúcia Lopes Cristovão - Professora associada da Universidade Estadual de Londrina (UEL), membro do Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem (PPGEL-UEL) e líder do grupo de pesquisa Linguagem e Educação (desde 2002); Mestrado (1996) e Doutorado (2002) em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem pelo Programa de Pós-Graduação da PUC-SP e graduação em Serviço Social pela Universidade Estadual de Londrina (1988). Tem experiência na área de Linguística Aplicada, atuando principalmente nos seguintes temas: gêneros textuais, educação inicial e continuada de professores de línguas, ensino de língua estrangeira e estudos de produção textual. É bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq desde março de 2013.

 
 
Por: R$ 51,80
ISBN: 978-85-7591-443-4
Páginas: 412
Formato: 14 x 21
Altura: 21 cm
Largura: 14 cm
Profundidade: 2 cm
Acabamento: Brochura
Edição:
Idioma: Português
Ano: 2016
 
 
Formas de Pagamento