Seja bem-vindo!
Meu Cadastro Meus Pedidos Minha Compra 0 itens
Home Conselhos Editoriais Notícias Lançamentos Fale Conosco
 
 << Voltar
Crítica feminista e Autoria feminina.
A Crítica Literária Feminista Ibero-Americana
Adriana Aparecida de Figueiredo Fiuza, Alexandra Santos Pinheiro, Encarnación Medina Arjona, Maria de Fátima Alves de Oliveira Marcari.
ISBN: 978-85-7591-683-4
Formato: 14 x 21 cm | Acabamento: Brochura
Páginas: 14 x 21 cm | Ano: 2023 | Edição: 1
Idioma: Português
Preço: R$ 0,00

Perpectivas Transatlânticas

 

Sinopse:

Essa primorosa coletânea de ensaios, organizada pelas pesquisadoras Adriana Aparecida de Figueiredo Fiuza (UEL/CNPq), Alexandra Santos Pinheiro (UFGD/CNPq), Encarnación Medina Arjona (Universidad de Jaén) e Maria de Fátima Alves de Oliveira Marcari (Unesp), sobre a Crítica literária feminista ibero-americana (América Latina-Espanha-Portugal), nasce com o propósito de promover a visibilidade  das precursoras da crítica feminista cujos olhares se voltam para a realidade  literária, identitária, econômica, cultural e étnica de seus países. As empreitadas de importantes, e, quase sempre, pouco conhecidas, pensadoras feministas ibero-americanas, compreendem percursos teóricos que, ao comportarem a realidade concreta de mulheres que integram as periferias dos centros de poder, colocam em evidência a urgência de se priorizar a interseccionalidade de marcadores socioculturais que incidem sobre o modo como elas são constituídas como sujeitos femininos e inseridas na sociedade.

 

 

Sobre as organizadoras

 

Adriana Aparecida de Figueiredo Fiuza é mestra e doutora em Letras pela Unesp e graduada em Letras Português e Espanhol pela mesma instituição. Fez estágio de doutorando no Departamento de Filologia Espanhola da Universidad Autónoma, de Madrid. É coordenadora do Colegiado do Curso de Licenciatura em Letras, professora da área de Espanhol do curso de Licenciatura em Letras e do Programa em Pós-Graduação em Letras da Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

 

Alexandra Santos Pinheiro é graduada em Letras pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, mestra em Letras-Literatura e doutora em Teoria e História Literária pela Universidade Estadual de Campinas. Conclui pós-doutorado na Universidad de Jaén (2012-2013), com bolsa Capes, e na Universidad de Salamanca (2018-2019). É professora da Universidade Federal de Dourados UFGD, lecionando na graduação e no programa de pós-graduação em Letras. Integra os grupos de pesquisa Núcleo de Estudos Literários e Culturais – UFGD e Poéticas do Imaginário e Memória – UNIOESTE. É líder do grupo de pesquisa Crítica feminista e Autoria feminina: cultura, memória e identidade. Também integra a Cátedra Diversidade Cultural, Gênero e Fronteiras. É Bolsista de Produtividade em Pesquisa – PQ2 e integrante do GT A mulher na Literatura. Suas pesquisas se concentram nos seguintes temas: Literatura e gênero; História da Leitura e Ensino da Literatura.

 

Encarnación Medina Arjona é professora de literatura francesa na Universidade de Jaén (Espanha). Participou em inúmeros projetos nacionais e internacionais sobre estudos de gênero. Suas publicações de crítica literária são desenvolvidas a partir da análise de narrativa e poesia dos séculos XIX ao XX, estudos de paisagem e Mediterrâneo, bem como na escrita feminina. Coordenou o programa de doutorado “Mulheres, gênero e estudos culturais” pela Universidade de Jaén. Ele tem orientado teses de doutorado sobre Nina Bouraoui, Malika Mokeddem, Assia Djebar, Simonetta Greggio, Carmen Lyra, Gabriela Mistral, Mme d'Aulnoy, Fanny Rubio, Patrocínio Biedma. E publicou estudos sobre Ana de Jesús, Mme de Graffigny, Claire de Duras, Marceline Desbordes-Valmore, Simone de Beauvoir, Asia Djebar, Alicia Puleo, Beatrice Bonhomme.

 

Maria de Fátima Alves de Oliveira Marcari possui graduação em Letras (Português/Espanhol pela Universidade Estadual Paulista – Faculdade de Ciências e Letras de Assis (1992), mestrado em Letras pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2003) e doutorado em Letras pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2008). Atualmente é professora assistente doutora da Universidade Estadual Paulista – Faculdade de Ciências e Letras de Assis, atuando na Graduação e no Programa de Pós-graduação – Mestrado e Doutorado em Letras. Suas pesquisas concentram-se na área das literaturas da América Latina, atuando principalmente nos seguintes temas: narrativa de autoria feminina, Literatura e memória, literatura e exílio, narrativas de autoria feminina, romance histórico, literatura latino-americana.

 

 

Participam da coletânea

 

Algemira de Macêdo Mendes

Brigida M. Pastor

Eliane do Amaral Campello

Elizete Albina Ferreira

Eurídice Figueiredo

Fernanda Aparecida Ribeiro

Geovana Quinalha de Oliveira

João Carlos Relvão Caetano

Liliam Ramos

María Dolores Aybar Ramírez

María Luisa Femenías

Marta Francisco de Oliveira

Mehmet Ilgürel

Paulo Henrique Presotto

Rosana Cássia dos Santos

Shaianna da Costa Araújo

Simone Maria Martins

Sobre os Autores:
Adriana Aparecida de Figueiredo Fiuza -

Alexandra Santos Pinheiro - Doutora em Teoria e História Literária pela Unicamp. Professora adjunta da Universidade Federal de Dourados.

Encarnación Medina Arjona -

Maria de Fátima Alves de Oliveira Marcari -

Formas de Pagamento