Seja bem-vindo!
Meu Cadastro Meus Pedidos Minha Compra 0 itens
Home Conselhos Editoriais Notícias Lançamentos Fale Conosco
 
 << Voltar
Educação
A Pesquisa em Literatura e Leitura na Formação Docente - Volume 1
Cristian Javier Lopez, Gilmei Francisco Fleck, Leila Shaí Del Pozo González.
ISBN: 978-85-7591-542-4
Formato: 16 x 23 | Acabamento: Brochura
Páginas: 16 x 23 | Ano: 2020 | Edição: 1
Idioma: Português
Preço: R$ 64,00

- Experiências da Pesquisa Acadêmica à Prática Profissional no Ensino (Organização: Cristian Javier Lopez, Gilmei Francisco Fleck e Leila Shaí Del Pozo González)

Sinopse:

A Coletânea A pesquisa em literatura e leitura na formação docente: experiências da pesquisa acadêmica à prática profissional no ensino composta por 3 volumes reúne textos de autores de diversas cidades e universidades do Brasil que têm nesta temática uma de suas preocupações mais relevantes. Abordada desde diferentes perspectivas teóricas e práticas, a temática é discutida pelos autores com um duplo olhar: o do pesquisador - que tem nela o seu objeto de estudo - e o do profissional da Educação - preocupado em ressaltar a dimensão que deveria ocupar a literatura e a prática de ensino da leitura nos currículos que levam à formação docente. Desse modo, programas como o Parfor, Letras e o Profletras dialogam, pelos textos reunidos, com a Graduação e a Pós-graduação em Letras de várias universidades para expor seus resultados nesta área de estudos.

Este primeiro volume da Coletânea está composto por uma série de textos voltados à temática da pesquisa em Literatura e Leitura nos seus diferentes vieses e níveis educacionais. Para oferecer um amplo painel das ações de pesquisa e ensino de Leitura e Literatura na educação brasileira, reuniram-se textos de pesquisadores comprometidos com a temática da formação leitora e do letramento literário oriundos de diferentes regiões de nosso país. A leitura destes textos amplia a visão sobre o foco de estudos exposto e possibilita conhecer múltiplas ações e sugestões para um ensino eficaz e contextualizado.

SOBRE OS ORGANIZADORES:

Cristian Javier Lopez é, atualmente, doutorando do Programa de Estudos Literários da Universidade de Vigo-Espanha - com intercâmbio com a Unioeste/Cascavel, desenvolvendo a pesquisa Idea Vilariño e Helena Kolody: cantos à vida - encontros poéticos na América Latina, na área da Literatura Comparada, sob a orientação da Professora Dra. Carmen Luna Sellés e da Professora. Drª. Terezinha da Conceição Costa-Hübes. É mestre em Teatro e Artes cênicas, área de Estudos Literários, pela Universidade de Vigo-Espanha; especialista em Arte e Educação, pelo Centro Universitário Fundação Assis Gurgacz; graduado em Música e em Artes Visuais pela Anhanguera/Cascavel, PR. É, também, graduado em Letras Português/Espanhol pela Unioeste/Cascavel, PR. Atuou como professor convidado do curso de Letras\PARFOR-Espanhol - Segunda Habilitação - da Unioste\Cascavel, PR, na área de Literaturas Hispânicas, Língua Espanhola e Prática de Estágio Supervisionado. É integrante do Grupo de Pesquisa “Ressignificações do passado na América Latina: processos de leitura, escrita e tradução de gêneros híbridos de história e ficção - vias para a descolonização”, liderado pelo Prof. Dr. Gilmei Francisco Fleck, e colaborador do projeto de extensão “Literatório: A Literatura em prática nas escolas - segunda fase”, vinculado ao PELCA - Programa de Ensino de Literatura e Cultura/PROEX-Unioeste-Cascavel. É autor de vários artigos publicados em revistas e capítulos de livros nos quais destaca a poética da uruguaia Idea Vilariño e da brasileira Helena Kolodi. Entre seus trabalhos nessa área, destacam-se “Poesía y música en América Latina: consideraciones didácticas basadas en una canción de Idea Vilariño”, capítulo publicado na obra El universo Literario en la enseñanza de español como Lengua Extranjera en Brasil (in: Lopez, C. J.; Fleck, G. F.; Dorado Mendez, H. E.; Del Pozo Gonzalez, L. S. Porto Alegre: Evangraf, 2018. pp. 167-180), e o capítulo “Relaciones interdisciplinares en la enseñanza de Literatura/Lengua Española en el contexto latinoamericano: diálogos intertextuales”, da obra Parfor: una experiencia singular en la formación docente de lengua española y respectivas Literaturas (in: Fleck, G. F. (org.) Porto Alegre: Evangraf, 2016, pp. 17-45).

Gilmei Francisco Fleck possui Pós-doutorado (2015) em Literatura Comparada e Tradução pela Universidade de Vigo, com Bolsa da CAPES. É Doutor e Mestre em Letras pela Universidade Estadual Paulista (Unesp), Campus de Assis; especialista em Língua Espanhola e Respectivas Literaturas pela Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc), campus de Xanxerê, e em Ensino de Inglês como Língua Estrangeira pela Unoesc, campus de Chapecó; graduado em Letras com Habilitação Português/Espanhol e Respectivas Literaturas e em Letras com Habilitação Português/Inglês e Respectivas Literaturas pela Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões (URI), de Frederico Westphalen. Atualmente, é Professor Associado da Unioeste, campus de Cascavel, atuando na Graduação em Letras, nas áreas de Literatura e Cultura Hispânicas, e na Pós-Graduação em Letras (Mestrado Acadêmico e Doutorado), nas áreas de Literatura Comparada e Tradução. No Mestrado Profissional (ProfLetras), atua como coordenador do Programa (2018-2020) e como docente na área da Literatura Infantojuvenil. Foi coordenador do PARFOR\Espanhol da Unioeste-Cascavel, PR. É coordenador do PELCA: Programa de Ensino de Literatura e Cultura-PROEX/Unioeste-Cascavel. Atuou como coordenador da Segunda Licenciatura em Letras: PARFOR\Espanhol, da Unioeste\Cascavel, PR. É líder do Grupo de Pesquisa “Ressignificações do passado na América: processos de leitura, escrita e tradução de gêneros híbridos de história e ficção - vias para a descolonização”, cadastrado na CAPES. Entre suas publicações, destacam-se vários e artigos em revista nacionais e internacionais e capítulos de livros, sempre tratando do gênero romance histórico, sua trajetória e as possíveis leituras críticas dessa escrita híbrida. Contudo, referenciamos aqui a obra em parceria com Adenilson de Barros de Albuquerque, Canudos: conflitos além da Guerra - entre o multiperspectivismo de Vargas Llosa (1981) e a mediação de Aleilton Fonseca (2009), publicada em 2015, e a obra O romance histórico contemporâneo de mediação: entre a tradição e o desconstrucionismo - releituras críticas da história pela ficção, publicada em 2017. Ambas as publicações foram realizadas pela editora CRV, de Curitiba.

Leila Shaí Del Pozo González é Mestre em Letras pelo Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Letras pela Unioeste (2017). Atuou como professora de Língua Espanhola do PARFOR\Espanhol - Segunda Licenciatura - da Unioeste\Cascavel, PR. Atualmente é docente de Língua Espanhola e respectivas Literaturas na Unioeste\Cascavel, PR. Integra a equipe do Grupo de pesquisa “Ressignificações do passado na América: processos de leitura, escrita e tradução de gêneros híbridos de história e ficção - vias para a descolonização”, nas linhas de pesquisa “Releituras da história pela ficção: estudos comparados” e “A tradução no espaço latino-americano: práticas tradutórias e sua importância”. É Graduada em Letras Português/Inglês (2018) e em Letras Português/Espanhol (2014) pela Unioeste-Cascavel, PR. É autora de vários artigos em revistas nacionais e internacionais e capítulos de livros, dentre os quais destacam-se: La Malinche em Xicoténcatl (1826) e na história: o imaginário coletivo mexicano em configurações confrontadas, publicado em parceria com Gilmei Francisco Fleck, na Revista Crioula (USP, vol. 1, pp. 115, 2017); Brief Notes on the Portrayal of the Character Malinche in the English Translation of the First Latin American Historical Novel Xicoténcatl (1826), publicado em parceria com Gilmei Francisco Fleck na International Journal of Language and Literature (v. 5, pp. 9-19, 2017); e o capítulo de livro “A saga de Malinche em Xicoténcatl (1826): das ações históricas à ficcionalização romanesca” (in: Cruz, A. D.; Pinheiro, A. S.; Arjona, E. M. (orgs.). Interculturalidade e escrita feminina Latino-Americana: imaginário e memória, pp. 336-345, 2016).

PARTICIPAM DESTA OBRA:

Alana de Oliveira Freitas El Fahl
Alceni Elias Lagner
Andreia Dias da Silva
Beatrice Uber
Consuelo Penelu Bitencout
Cristian Javier Lopez (org.)
Eliane Aparecida Anevão Pereira
Eliane de Camargo Dominiak
Gilmara Carneiro da Silva Freitas
Gilmei Francisco Fleck (org.)
Greice da Silva Castela
Helena Aparecida Paiva Bobato
Leila Shaí Del Pozo González (org.)
Lilian Cristina Buzato Ritter
Margarida da Silveira Corsi
Patrício Nunes Barreiros
Renata Zucki
Rosemary Lapa de Oliveira
Valdeci Batista de Melo Oliveira

Sobre os Autores:
Cristian Javier Lopez - É, atualmente, doutorando do Programa de Estudos Literários da Universidade de Vigo-Espanha - com intercâmbio com a Unioeste/Cascavel, desenvolvendo a pesquisa Idea Vilariño e Helena Kolody: cantos à vida - encontros poéticos na América Latina, na área da Literatura Comparada, sob a orientação da Professora Dra. Carmen Luna Sellés e da Professora. Drª. Terezinha da Conceição Costa-Hübes. É mestre em Teatro e Artes cênicas, área de Estudos Literários, pela Universidade de Vigo-Espanha; especialista em Arte e Educação, pelo Centro Universitário Fundação Assis Gurgacz; graduado em Música e em Artes Visuais pela Anhanguera/Cascavel, PR. É, também, graduado em Letras Português/Espanhol pela Unioeste/Cascavel, PR. Atuou como professor convidado do curso de LetrasPARFOR-Espanhol - Segunda Habilitação - da UniosteCascavel, PR, na área de Literaturas Hispânicas, Língua Espanhola e Prática de Estágio Supervisionado. É integrante do Grupo de Pesquisa “Ressignificações do passado na América Latina: processos de leitura, escrita e tradução de gêneros híbridos de história e ficção - vias para a descolonização”, liderado pelo Prof. Dr. Gilmei Francisco Fleck, e colaborador do projeto de extensão “Literatório: A Literatura em prática nas escolas - segunda fase”, vinculado ao PELCA - Programa de Ensino de Literatura e Cultura/PROEX-Unioeste-Cascavel. É autor de vários artigos publicados em revistas e capítulos de livros nos quais destaca a poética da uruguaia Idea Vilariño e da brasileira Helena Kolodi. Entre seus trabalhos nessa área, destacam-se “Poesía y música en América Latina: consideraciones didácticas basadas en una canción de Idea Vilariño”, capítulo publicado na obra El universo Literario en la enseñanza de español como Lengua Extranjera en Brasil (in: Lopez, C. J.; Fleck, G. F.; Dorado Mendez, H. E.; Del Pozo Gonzalez, L. S. Porto Alegre: Evangraf, 2018. pp. 167-180), e o capítulo “Relaciones interdisciplinares en la enseñanza de Literatura/Lengua Española en el contexto latinoamericano: diálogos intertextuales”, da obra Parfor: una experiencia singular en la formación docente de lengua española y respectivas Literaturas (in: Fleck, G. F. (org.) Porto Alegre: Evangraf, 2016, pp. 17-45).

Gilmei Francisco Fleck - Possui Pós-doutorado (2015) em Literatura Comparada e Tradução pela Universidade de Vigo, com Bolsa da CAPES. É Doutor e Mestre em Letras pela Universidade Estadual Paulista (Unesp), Campus de Assis; especialista em Língua Espanhola e Respectivas Literaturas pela Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc), campus de Xanxerê, e em Ensino de Inglês como Língua Estrangeira pela Unoesc, campus de Chapecó; graduado em Letras com Habilitação Português/Espanhol e Respectivas Literaturas e em Letras com Habilitação Português/Inglês e Respectivas Literaturas pela Universidade Regional Integrada do Alto Uruguai e das Missões (URI), de Frederico Westphalen. Atualmente, é Professor Associado da Unioeste, campus de Cascavel, atuando na Graduação em Letras, nas áreas de Literatura e Cultura Hispânicas, e na Pós-Graduação em Letras (Mestrado Acadêmico e Doutorado), nas áreas de Literatura Comparada e Tradução. No Mestrado Profissional (ProfLetras), atua como coordenador do Programa (2018-2020) e como docente na área da Literatura Infantojuvenil. Foi coordenador do PARFOREspanhol da Unioeste-Cascavel, PR. É coordenador do PELCA: Programa de Ensino de Literatura e Cultura-PROEX/Unioeste-Cascavel. Atuou como coordenador da Segunda Licenciatura em Letras: PARFOREspanhol, da UnioesteCascavel, PR. É líder do Grupo de Pesquisa “Ressignificações do passado na América: processos de leitura, escrita e tradução de gêneros híbridos de história e ficção - vias para a descolonização”, cadastrado na CAPES. Entre suas publicações, destacam-se vários e artigos em revista nacionais e internacionais e capítulos de livros, sempre tratando do gênero romance histórico, sua trajetória e as possíveis leituras críticas dessa escrita híbrida. Contudo, referenciamos aqui a obra em parceria com Adenilson de Barros de Albuquerque, Canudos: conflitos além da Guerra - entre o multiperspectivismo de Vargas Llosa (1981) e a mediação de Aleilton Fonseca (2009), publicada em 2015, e a obra O romance histórico contemporâneo de mediação: entre a tradição e o desconstrucionismo - releituras críticas da história pela ficção, publicada em 2017. Ambas as publicações foram realizadas pela editora CRV, de Curitiba.

Leila Shaí Del Pozo González - É Mestre em Letras pelo Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Letras pela Unioeste (2017). Atuou como professora de Língua Espanhola do PARFOREspanhol - Segunda Licenciatura - da UnioesteCascavel, PR. Atualmente é docente de Língua Espanhola e respectivas Literaturas na UnioesteCascavel, PR. Integra a equipe do Grupo de pesquisa “Ressignificações do passado na América: processos de leitura, escrita e tradução de gêneros híbridos de história e ficção - vias para a descolonização”, nas linhas de pesquisa “Releituras da história pela ficção: estudos comparados” e “A tradução no espaço latino-americano: práticas tradutórias e sua importância”. É Graduada em Letras Português/Inglês (2018) e em Letras Português/Espanhol (2014) pela Unioeste-Cascavel, PR. É autora de vários artigos em revistas nacionais e internacionais e capítulos de livros, dentre os quais destacam-se: La Malinche em Xicoténcatl (1826) e na história: o imaginário coletivo mexicano em configurações confrontadas, publicado em parceria com Gilmei Francisco Fleck, na Revista Crioula (USP, vol. 1, pp. 115, 2017); Brief Notes on the Portrayal of the Character Malinche in the English Translation of the First Latin American Historical Novel Xicoténcatl (1826), publicado em parceria com Gilmei Francisco Fleck na International Journal of Language and Literature (v. 5, pp. 9-19, 2017); e o capítulo de livro “A saga de Malinche em Xicoténcatl (1826): das ações históricas à ficcionalização romanesca” (in: Cruz, A. D.; Pinheiro, A. S.; Arjona, E. M. (orgs.). Interculturalidade e escrita feminina Latino-Americana: imaginário e memória, pp. 336-345, 2016).

Formas de Pagamento