Seja bem-vindo!
Meu Cadastro Meus Pedidos Minha Compra 0 itens
Home Conselhos Editoriais Notícias Lançamentos Fale Conosco
 
As Dimensões da Formação Humana
As Faces da Lingüística Aplicada
Caminhos da Construção
Cenas do Cotidiano Escolar
Coleção Desconstruindo a Violência
Coleção Educação Estatística
Coleção Fazer A_Parecer
Coleção Insubordinação Criativa
Coleção Psicologia em Perspectiva
Coleção TerramaR
Desenvolvimento Humano e Práticas Culturais
Discurso e Ensino
Educação
Educação e Psicologia em Debate
Ensaios em Interculturalidade
Estudos da Linguagem
Gêneros e Formação
História, Ciências Sociais e Economia
Histórias de Leitura
Idéias Sobre Linguagem
Leitura e Bibliotecas Escolares
Leituras no Brasil
Letramento, Educação e Sociedade
Letras em Série
Lingüística
Lingüística e Psicanálise
Literatura
Memória e História da Educação
Mercado de Letras Fundamental
Mercado de Letras Saúde
Mercado de Letras Temas
Série Aurora
Série Bakhtin - Inclassificável
Série Caminhos da Neurolinguística Discursiva
Série Drogas, Política e Cultura
Série Educação Geral, Superior e Formação Continuada do Educador
Série Educação Matemática
Série Espaços da Linguística de Corpus
Série Estudos do Léxico
Série Estudos em Políticas Públicas e Educação
Série Literatura, Leitura e Educação Infantil
Teoria Literária
 
Detalhes da Obra Mercado de Letras •
Teorias de Linguagens - Pesquisa e Ensino

(Organização: Carlos Francisco de Morais, Maria Eunice Barbosa Vidal e Marinalva Barbosa)

• Carlos Francisco de Morais
• Maria Eunice Barbosa Vidal
• Marinalva Barbosa

DE: R$ 69,00   POR: R$ 48,30

Com o mesmo espírito de cooperação e de seriedade, que conduziu o próprio SELL - Simpósio Internacional de Estudos Linguísticos e Literários da UFTM, também foi delineado este livro.

Em suas páginas, o leitor encontrará textos que abordam a temática ensino / pesquisa que balizou o evento. São resultados de pesquisas realizadas no Brasil e alhures que, explícita ou sutilmente, dialogam entre si: alguns textos encerram reflexões mais aplicadas ao ensino; outros, relatos de experiências acadêmicas; outros, ainda, trabalhos em andamento.

O fato é que todos, sem lugar a dúvidas, são artigos de inegável qualidade que, por certo, contribuirão para enriquecer futuras investigações, bem como para consolidar a qualidade e a seriedade do SELL e desta obra que, espera-se, há de ensejar uma boa leitura.

O SELL - Simpósio Internacional de Estudos Linguísticos e Literários da UFTM já adquiriu um relevante espaço entre os eventos internacionais das áreas de Letras/Linguística/Ensino de Línguas.  Promovido pelo curso de Letras e pelo Profletras/UFTM - Programa de Mestrado Profissional em Letras, desde a sua primeira edição, em 2007, o SELL tem como objetivo principal aproximar os pesquisadores, professores e alunos dos cursos de Letras e Linguística de universidades do Brasil e do exterior. Seus encontros bienais, realizados no campus de Uberaba da Universidade Federal do Triângulo Mineiro, oferecem um ambiente de ampla discussão, troca de experiências e divulgação da produção científica nacional e internacional nas áreas de Linguística, Estudos Literários e Ensino/Aprendizagem de Línguas.

Além disso, os encontros do SELL se caracterizam como um fórum multidisciplinar, como evidenciam os temas de cada edição: “Leitura, escrita e formação de professores” (2007); “Diversidade, identidade e fronteiras" (2009); “Conhecimentos em diálogo: linguagens e ensino” (2011); “Ensino e pesquisa: o diálogo das linguagens” (2013); “Teorias de linguagens: pesquisa e ensino” (2015). Dessa forma, visamos à interação entre a área de Letras e Linguística e estudiosos de áreas afins, tais como a Comunicação, a Psicologia, a Educação/Formação de Professores, a História, a Sociologia etc.

Desde o I SELL temos propiciado o debate, em alto nível, das questões relacionadas, na atualidade brasileira e internacional, à formação de professores e ao ensino de línguas e literaturas, dada a importância dessas disciplinas na formação básica dos educandos, essencial para o desempenho positivo no ensino superior. É por isso também que o SELL oferta a inscrição gratuita para professores da rede pública para as modalidades “ouvinte”, “apresentador de comunicação ou painel” e “participação em minicursos”.

A programação do SELL, em suas 24 horas, inclui as conferências de abertura e encerramento, sempre com convidados internacionais; mesas-redondas; sessões de comunicações coordenadas e individuais; sessões de apresentação de pôsteres; minicursos; lançamentos de livros; feira de livro; atividades artísticas e culturais.

SOBRE OS ORGANIZADORES:

Carlos Francisco de Morais é graduado em Letras pela Universidade de São Paulo (1986), mestre em Letras (Literatura Portuguesa) pela Universidade de São Paulo (1992) e doutor em Letras (Literatura Portuguesa) pela Universidade de São Paulo (1998). Atualmente é Professor Adjunto III do curso de Letras e professor permanente do Programa de Mestrado Profissional em Letras (PROFLETRAS) da UFTM - Universidade Federal do Triângulo Mineiro, na qual também coordena o Grupo de Pesquisas “Literatura em diálogo”. Tem experiência docente e publicações na área de Letras, com ênfase em Literatura Portuguesa, Leitura e Intertextualidade e Ensino de Literatura, atuando principalmente nos seguintes temas: literatura portuguesa, diálogos entre a literatura e as outras artes, formação de professores e literatura e ensino.

Maria Eunice Barbosa Vidal possui Mestrado e Doutorado em Linguística e Língua Portuguesa, ambos pela Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” - UNESP - Campus de Araraquara-SP. Atualmente, é professora de Língua Portuguesa do Curso de Letras da Universidade Federal do Triângulo Mineiro - UFTM. Também é docente do Programa de Mestrado Profissionalizante - PROFLETRAS - UFTM. Seus principais interesses de pesquisa concentram-se nas áreas de Morfologia da Língua Portuguesa, Linguística Cognitiva e Gramática Funcional.

Marinalva Barbosa é Professora do Departamento de Linguística e Língua Portuguesa da Universidade Federal do Triângulo Mineiro. Possui graduação em Letras (1999) e Especialização em Leitura e Produção de Textos (2000) pela Universidade Federal de Rondônia, UNIR. Mestrado (2004) e Doutorado em Linguística pela Universidade Estadual de Campinas (2008) - este com Estágio no Laboratório ICAR (Interactions, Corpus, Apprentissages, Représentations), ligado à Université Lyon 2 e a Ecole Normale Superieure de Sciences Humaines et Lettres de Lyon. Fez pós-doutorado na Faculdade de Educação da Unicamp (2009). É organizadora de livros sobre leitura, escrita e ensino de língua portuguesa. É docente permanente do Programa de Mestrado em Educação e do PROFLETRAS da UFTM. Tem experiência na área de Linguística e Educação, com ênfase em Análise do Discurso e Metodologias de Ensino da Língua Portuguesa, atuando principalmente nos seguintes temas: ensino-aprendizagem da escrita e leitura; formação de professores.

SOBRE OS AUTORES:

Alexandra Del Ré é Mestre e doutora em Linguística pela Universidade de São Paulo (USP), realizou parte de seu doutoramento na França, na Université René Descartes (Sorbonne/Paris V), e desenvolveu (2008-2009) uma pesquisa de Pós-Doutorado na Université Paris X/MoDyCo/COLAJE. Desde 2004, é docente do Departamento de Linguística da Faculdade de Ciências e Letras, UNESP. Entre outros trabalhos, organizou, em 2014, os livros “A linguagem da criança: um olhar bakhtiniano” e “Explorando o discurso da criança” (Ed. Contexto), ambos resultam de trabalhos do grupo de pesquisa NALingua (CNPq), por ela liderado, em colaboração com os grupos Slovo e GED. Seus trabalhos centram-se em questões de aquisição de língua oral, em especial no que se refere ao humor infantil. Desde 2004, desenvolve projetos de pesquisa em colaboração com a Université Paris 3 e Université de Montpellier 3. Desenvolve atualmente o projeto RIHA (Rire, humour et Acquisition du Langage) com a Profa. Aliyah Morgenstern, financiado pela IDEX-Université Paris 3.

Ananda Brosolotto De Santis é aluna do 4º ano do curso de Letras na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Araraquara (FCLAr), na Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp), Campus de Araraquara. Atualmente, desenvolve pesquisa de iniciação científica na área de Aquisição da Linguagem, com o projeto intitulado “A compreensão e a produção de enunciados humorísticos por uma criança bilíngue (francês-português): marcas de singularidade”, sob a orientação da professora doutora Alessandra Del Ré (início em agosto de 2014). É membro dos grupos GEALin (Unesp) / NALingua (CNPq).

Ariel Novodvorski é Doutor em Estudos Linguísticos pela UFMG. Atualmente é professor adjunto do Instituto de Letras e Linguística da Universidade Federal de Uberlândia (UFU), onde atua no Curso de Graduação em Letras e no Programa de Pós-graduação em Estudos Linguísticos. No âmbito do ensino e da pesquisa, tem atuado e publicado diversos trabalhos, principalmente, nas seguintes áreas: Estudos da Tradução, Linguística de Corpus, Estudos Descritivos, Linguística Sistêmico-Funcional, Oralidade e Ensino de Espanhol como Língua Estrangeira.

Deonisio Shmitt é graduado em Pedagogia pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) em 2006 e Letras/LIBRAS pela UFSC em 2011. Mestre em Educação na UFSC, em 2008. Doutor em Linguística no Programa de Pós-Graduação em Linguística na UFSC, em 2013. Atualmente, é professor adjunto de ensino de Libras como L2 e Letras Libras da UFSC. É coordenador de Ensino de Libras na UFSC. Atua como pesquisador e orientador de iniciação científica enquanto parte do projeto do Inventário de Libras da Grande Florianópolis (2014-atual) e, atualmente, como pesquisador colaborativo do Projeto de Pesquisa Inventário Nacional de Libras (2015-atual). Integro o Grupo de Pesquisa do CNPQ, Corpus de Libras, sob a coordenação da Prof. Ronice Müller de Quadros e atuo como segundo líder na equipe deste projeto.

Geyse Araújo Ferreira é Graduada em Letras/Libras pela Universidade Federal de Santa Catarina, em Administração Geral pela FCC, mestra em Linguística pela Universidade de Brasília - UnB. Atualmente é professora da Universidade Federal de Triângulo Mineiro - UFTM pelo Departamento de Linguística e Língua Portuguesa - DeLLP do Instituto de Educação, Letras, Artes, Ciências Humanas e Sociais - IELACHS. Atua com seguintes temas: Libras e Aspectos linguísticos da Libras. Coordenadora do subprojeto de Língua Portuguesa - Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência - PIBID para alunos surdos em Escola Inclusiva.

Hely César Ferreira é Mestrando em Linguística na Universidade de Brasília - UnB/DF. Especialista em Libras e Educação Especial pela Faculdade Eficaz de Maringá/PR. Graduado em Letras/Libras pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC no pólo Universidade de Brasília - UnB (2012). Atualmente, é professor do magistério superior da Universidade Federal do Triângulo Mineiro - UFTM pelo Departamento de Linguística e Língua Portuguesa - DeLLP do Instituto de Educação, Letras, Artes, Ciências Humanas e Sociais - IELACHS. Atua na área de Libras - Língua Brasileira de Sinais.

Janaína Aguiar Mendes Galvão é Mestre em Letras pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), onde participou em projetos sobre ensino de língua espanhola e formação de professores. Atuou como professora de espanhol na educação básica em Belo Horizonte de 2001 a 2010. Foi professora do Curso de Letras da PUC-Minas de 2008 a 2010. Atualmente é Professora Assistente de língua espanhola da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM). É coordenadora de área do projeto de espanhol do Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência (PIBID 2013, UFTM). Participou da comissão avaliadora de livros didáticos de língua espanhola do Ministério da Educação do Programa Nacional do Livro Didático (PNLD 2013 e PNLD 2014). Assumiu a presidência da Associação de Professores de Espanhol de Minas Gerais (mandato 2014-2016).

Juliana Bertucci Barbosa possui graduação em Letras (Bacharelado Licenciatura Português - Alemão), mestrado e doutorado, ambos fomentados pelo CNPq, em Linguística e Língua Portuguesa pela Universidade Estadual Paulista (UNESP), Campus de Araraquara. Realizou, em Portugal, na Universidade de Lisboa, Faculdade de Letras (FLUL) e Centro de Linguística (CLUL), estágio de Doutorado PDEE - “Doutorado Sanduíche” - fomentado pela CAPES. Tem experiência na área de Linguística, com ênfase em Sociolinguística e estudos descritivos no nível Sintático-Semântico. Também atua na constituição de banco de dados (montagem de corpora) e pesquisas variacionistas no Português Mineiro da cidade de Uberaba. Atualmente é professora do Departamento de Linguística e Língua Portuguesa da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM-Uberaba) e líder do grupo de pesquisa GEVAR (Grupo de Estudos Variacionistas) e professora do PROFLETRAS. Suas pesquisas atuais estão concentradas na área de Sociolinguística com interface ao ensino de Língua Portuguesa.

Maíra Sueco Maegawa Córdula é Professora de Língua Inglesa e Práticas de Ensino de Língua Inglesa na Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM - Uberaba, MG). Docente do Programa de Mestrado Profissionalizante, PROFLETRAS, na UFTM, desenvolvendo pesquisa na área de prosódia e ensino de língua. Mestre em Linguística pela Universidade de Franca e Doutora em Linguística e Língua Portuguesa pela Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (UNESP - Campus de Araraquara). Áreas de atuação: fonética, fonologia, prosódia, língua inglesa, língua portuguesa, ensino de língua materna, ensino de língua estrangeira.

Marcia Paraquett é professora de Espanhol na Universidade Federal da Bahia (UFBA) a partir de 2009, mas pertenceu ao quadro da Universidade Federal Fluminense (UFF), no Rio de Janeiro, de 1977 a 2007. Licenciada em Letras pela UFF (1970), Mestrado em Letras pela UFF (1977), Doutorado em Letras pela Universidade de São Paulo (USP, 1997). Fez estágios de pós-doutoramento no Programa de Linguística Aplicada da Universidade de Campinas, São Paulo (Unicamp, 2002); no Centro de Estudios Avanzados da Universidade de Santiago do Chile (USACH, 2015) e no Centro de Estudios Interculturales da Universidade de Murcia, Espanha (UM, 2015). É autora de três livros, organizadora de três outros, além de uma Revista, tendo publicado diversos artigos como capítulos de livros ou em revistas nacionais e internacionais. Atua no Programa de Pós-Graduação em Língua e Cultura do Instituto de Letras da UFBA, na Linha de Pesquisa Aquisição, Ensino e Aprendizagem de Línguas, com foco na Formação de Professores e na Interculturalidade. É bolsista do CNPQ.

Maria Aparecida da Silva Miranda é mestre e doutoranda em Estudos da Linguagem - PPgEL/UFRN, integrante do Grupo de Pesquisa em Estudos do Texto e do Discurso (GETED). Professora da Rede Pública de Ensino do Rio Grande do Norte.

Marilia Amorim possui doutorado em Ciências Humanas e da Educação pela Universidade de Paris VIII (1994). Atualmente é maître de conférences da Universidade de Paris VIII como membro da equipe de pesquisa Filosofia da Educação. Foi prof. adjunto do Instituto de Psicologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (até 2000). Psicóloga de formação, trabalha atualmente na área de linguagem e discurso com ênfase na perspectiva dialogica e bakhtiniana. Membro/pesquisador do GP/CNPq/PUC, SP Linguagem, Identidade e Memória.

Rosa Nunes é professora da Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto (FPCEUP), aposentada. Vice-Presidente do Instituto Paulo Freire de Portugal; Investigadora do Centro de Investigação e Intervenção Educativa (CIIE) da FPCEUP. Atualmente, é membro da Comissão de Ética da FPCEUP; orienta teses de Doutoramento e Mestrado em Ciências da Educação. Ademais, constituiu e coordena o “Círculo de Estudos e Intervenção na Medicalização da Educação”, sediado na FPCEUP. Redactora final do Manifesto: “Por uma Abordagem não Medicalizante nem Patologizante da Educação”. Associate Editor da Revista Internacional: Educational Action Research - an internactional journal, Routledge; Revisora da EAR - an international journal, Routledge. Membro da “Comissão Administrativa e Dinamizadora” da Associação Portuguesa para a Cultura e Educação Permanente (APCEP). É membro do Conselho Editorial da revista Sociedade Educação & Cultura da FPCEUP.

Sulemi Fabiano Campos é Professora Doutora do Departamento de Letras e do Programa de Pós-Graduação em Estudos da Linguagem da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Líder do Grupo de Pesquisa em Estudos do Texto e do Discurso (GETED) e integrante do Grupo de Estudos e Pesquisa Produção Escrita e Psicanálise - GEPPEP/USP.

Talita de Cássia Marine é professora e pesquisadora de Linguística e Língua Portuguesa do ILEEL (Instituto de Letras e Linguística da Universidade Federal de Uberlândia - UFU). Possui graduação em Letras (Licenciatura e Bacharelado) com habilitação em Português e Alemão pela Unesp/Araraquara. Desenvolveu pesquisa de Iniciação Científica fomentada pela Capes, como bolsista PET. Realizou Mestrado - fomentado pela Capes - e Doutorado - fomentado pelo CNPq - em Linguística e Língua Portuguesa na Unesp/Araraquara com estágio PDEE financiado pela Capes (“Doutorado-sanduíche”) na Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (FLUL) e no Centro de Linguística da mesma universidade (CLUL). Suas pesquisas atuais estão concentradas na área de Sociolinguística com interface ao ensino de Língua Portuguesa.

 
 
Por: R$ 48,30
ISBN: 978-85-7591-392-9
Páginas: 280
Formato: 14 x 21
Altura: 0
Largura: 0
Comprimento: 0
Acabamento: Brochura
Edição:
Idioma: Português
Ano: 2017
 
 
Forma de Pagamento :